sexta-feira, 1 de abril de 2011

Os solteiros sempre estão mais em forma?

RSS RSS Feeds

Não, não é imaginação: casar engorda. Segundo uma nova pesquisa, pessoas solteiras podem ser um pouco mais aptas fisicamente do que as casadas.
Isso não quer dizer que há um abismo enorme entre solteiros e casais. Neste estudo, as mudanças no estado civil foram relacionadas apenas a pequenas mudanças na ginástica. Além disso, os níveis de aptidão física de uma pessoa dependem de uma complexa combinação de fatores, incluindo genética, hábitos de exercício físico, composição corporal e saúde geral.
O estudo acompanhou 6.900 homens e 1.971 mulheres, durante pouco mais de três anos. Os participantes fizeram exames físicos, informaram seus hábitos de vida e foram submetidos a testes de esforço para avaliar a sua aptidão física.
Os pesquisadores descobriram que homens e mulheres que se casaram durante esse tempo tenderam a piorar a aptidão cardiovascular, medida por testes. Em contraste, os homens que se divorciaram durante o estudo tiveram um aumento modesto em seus níveis de aptidão.
As mulheres que continuaram solteiras durante o período do estudo mostraram um pequeno aumento nos seus níveis de adequação ao longo do tempo. Esse ganho não foi observado entre as mulheres que se casaram.
Os homens que se casaram mostraram um declínio na aptidão, mas todos os solteiros também, apesar de ter sido uma perda menor. Para os homens, as diferenças foram mais evidentes nos divorciados.
Os homens que se divorciaram durante o estudo mostraram um ganho nos níveis de aptidão, enquanto os que permaneceram casados não mudaram. Enquanto isso, os homens que se divorciaram no início do estudo mostraram um declínio geral ao longo do tempo, e a queda foi mais acentuada entre aqueles que voltaram a se casar.
Não houve evidência de qualquer “benefício” do divórcio entre as mulheres. No entanto, os pesquisadores dizem que uma razão para isso pode ser que havia muito menos mulheres no estudo do que homens, e apenas um pequeno número de mulheres mudou seu estado civil durante o estudo.
As descobertas não provam que uma mudança de estado civil diretamente causa a mudança na aptidão, para melhor ou para pior. Ainda assim, os resultados suportam a ideia de que quando as pessoas se casam e, presumivelmente, saem do “mercado da paquera”, tendem a relaxar um pouco. Mas se permanecem solteiras ou se divorciam, têm mais incentivo para entrar em forma.
Segundo os cientistas, se os recém-casados estiverem cientes de que a sua aptidão física poderia diminuir nos anos de casamento, podem prestar mais atenção em manter uma rotina de exercícios.
Os pesquisadores dizem que os resultados destacam o papel dos fatores sociais nos níveis de aptidão das pessoas. O estudo fornece evidência de que as transições conjugais são um estímulo social importante que pode influenciar a forma física.
E isso se encaixa com a ideia geral de que as transições principais da vida afetam os hábitos de saúde da população. Às vezes esses efeitos são positivos, às vezes negativos. A mensagem para o público é que eles precisam estar cientes dos possíveis efeitos das mudanças na vida, para tentar fazer planos e manter um estilo de vida saudável.

Um comentário:

  1. concordo plenamente hoje em dia as mais bonitas estão solteiras.

    ResponderExcluir