sábado, 2 de abril de 2011

Márcia Fernandes.

Destino

“Alguns reclamam que não tiveram oportunidades na vida, outros preferiram criá-las.” – Willian Shakespeare
Essa frase fala por si só, não precisa de explicação. Quantas vezes pensamos no destino. Ele existe? Está definido? Deus planeja um destino para cada um de nós? São milhões de questionamentos que todos nós fazemos diariamente. Existem pessoas que acreditam totalmente nele, outras que acreditam apenas em si.
Se você é um desses dois tipos, cuidado. O destino nem está definido e tão pouco depende apenas de nós. Ele é uma somatória das duas coisas.  Quando nascemos, existe um plano pré-estabelecido, pois escolhemos com quem e como vamos reencarnar.
Em contrapartida, algumas coisas são predestinadas, como por exemplo, o dia da sua chegada e partida, o homem com o qual você terá um filho, entre outras coisas. Mas a nossa atitude e a atitude dos outros podem mudar tudo. Imagine que você fez um acordo que sua mãe viria como sua filha na próxima encarnação. Quando descobre que está grávida, aborta. Você cortou e mudou o destino de ambas.
Isso acontece a todo instante, pois, antes de tudo, temos o livre arbítrio. Então, podemos transformar o nosso destino tanto para o bem quanto para o mal e isso pode significar o não cumprimento de uma missão. E claro que tudo vai influenciar também nas próximas reencarnações.
Quando o assunto é amor, é a mesma coisa. Eu sei que quase todas as pessoas gostariam que existissem almas gêmeas e seria lindo se houvesse, não é mesmo? Mas Deus é maior do que isso e não faria sentido Ele criar uma cara metade para cada um de nós. Ele nos dá um leque gigante de opções para que possamos amar e viver o necessário para a nossa evolução.
A vida é isso, um caminho a ser seguido com diferentes opções durante a nossa estadia. Precisamos saber fazer a escolha certa, agir pelo bem e ter consciência dos nossos próprios atos. Tudo é como sempre digo: bate e volta. A lei do retorno é terrível e implacável. Se você fizer o mal, certamente o receberá de volta. Essa é sua reflexão de hoje.
Beijos,
Márcia Fernandes.
Posted in Lidando com o Invisível por Márcia Fernandes. 15 Comentários

Corpus Christi

Bom dia, pessoal! Como vocês sabem hoje é feriado em todo o país. E como é gostoso um dia de descanso em meio a toda essa correria, não é mesmo? O povo brasileiro tem, por cultura, curtir muito um feriado, seja ela qual for, mas pouca gente se importa em saber o seu real significado.
Vivemos em um país de cultura e costumes católicos. Por isso, sete dos 16 feriados nacionais são decorrentes de comemorações da Igreja Católica. Carnaval, Páscoa, Pentecostes, Nossa Senhora Aparecida, Finados, Natal, etc. E o Corpus Christi, ou o corpo de Cristo, é mais um deles.
Nesta data, comemora-se o verdadeiro corpo de Cristo na eucaristia, ou seja, na hóstia. A simbolização do corpo e do sangue do Senhor, no pão e no vinho, é celebrada em uma quinta-feira em menção a quinta-feira Santa, quando Jesus instituiu a eucaristia. Essa data passou a fazer parte do calendário católico em 1264, alguns anos depois de uma freira ter uma visão com Cristo pedindo destaque para esse ritual.
Cristo afirmou antes de sua morte:
“O que come a minha carne e bebe o meu sangue, tem a vida eterna, e eu o ressuscitarei no último dia.
Porque a minha carne é verdadeiramente comida e o meu sangue é verdadeiramente bebida.
O que come a minha carne e bebe o meu sangue permanece em mim e eu nele. O que come deste pão viverá eternamente” (Jo 6, 55 – 59).
Assim sendo, esse é o feriado onde se comemora a união entre nós e Jesus Cristo, a comunhão. Por isso, não devemos ignorar o seu significado e olhar para esse dia apenas como uma folga. Vamos celebrar Jesus, agradecendo a Ele por estar sempre conosco. Afinal, Jesus é nosso Pai e Irmão, uma parte de nós, e a Eucaristia nos ajuda a equilibrar o corpo e a alma.
Beijos e bom feriado,
Márcia Fernandes.
Posted in Dedicação por Márcia Fernandes. 6 Comentários

Animais de Poder – Manhã Maior (02/06/10)

Hoje, no programa Manhã Maior, eu falei sobre os poderes paranormais dos animais. Eles têm a capacidade de perceber espiritos e até de proteger a sua casa e a sua família.
Seu animais estão morrendo, ficando doentes? Preste atenção, você pode estar sendo vítima de magia negra. Você quer um gato? Um cachorro? Ótimo, eles te protegem, eliminam energias ruins.
Então, se você perdeu a minha participação na RedeTV, assista. E, se você gostou, reveja:

Beijos,
Márcia Fernandes.
Posted in Manhã Maior por Márcia Fernandes. 6 Comentários

Viva Santo Antônio!

O ano voou, junho chegou e trouxe na bagagem uma série de datas comemorativas. Dia dos namorados, festa junina, dia de Santo Antônio, São João…
O mês do amor sugere pedidos amorosos para quem está sozinho ou acompanhado. Dia 13, comemora-se o dia de Santo Antônio, um santo católico, canonizado menos de um ano após a sua morte, em 13 de junho de 1231. Quando os portugueses aqui chegaram, ele era o Santo de devoção de todos os homens de batalha. Com a colonização, tornou-se um dos Santos mais populares do nosso país. Desde então, sua imagem passou a fazer parte das mais diversas crenças populares e acabou ficando conhecido como o Santo casamenteiro.
Então, entra ano, sai ano, quem está sozinho e doidinho pra se casar sempre apela a ele. Nessa época, encontramos todos os tipos de promessas e simpatias para conseguir o par perfeito. Mas o que pouca gente sabe é que o poder dele vai muito além de casar as pessoas. Assim como São Jorge, Santo Antônio também abre nossos caminhos, ou seja, ele nos ajuda a realizar aquilo que almejamos.
Então, como nessa época todos querem e buscam rituais para o amor, decidi colocar aqui algumas formas de homenagear tanto nosso Santo casamenteiro quanto a força material do Universo. Assim, com certeza, você irá abrir os caminhos para alcançar aquilo que deseja.
Ritual Santo Antônio
Desenvolvido para ancorar o Santo Antônio, santo casamenteiro, este ritual tem como elementos o lírio, símbolo da pureza do amor e de Santo Antônio, e o véu, símbolo das noivas.
Ingredientes
- 01 vela de Santo Antônio
- 01 sabonete Santo Antônio (aroma de lírio e envolvido no Véu)
- 01 medalhinha de Santo Antônio
Acender a vela dia 13 de junho e fazer a trezena. Usar o sabonete diariamente e guardar o véu no travesseiro. Deixar a medalhinha em uma igreja.
É isso aí, queridos! Vamos homenagear o nosso Santo Antônio!
Muito amor para todos vocês e até amanhã!
Beijos,
Márcia Fernandes.
Posted in Santos por Márcia Fernandes. 8 Comentários

Qual é a minha religião?

Meus filhos foram criados católicos. Como bons netos de italianos, espanhóis e portugueses, trouxeram o catolicismo na bagagem. Eu também trago essa crença comigo, sou devota de Nossa Senhora de Fátima, acredito em Deus e na maioria dos preceitos da igreja católica, mas também sou kardecista.
Meu pai e minha avó espanhola me ensinaram este caminho, sem lero-lero ou conversa mole. Por isso, ser espírita para mim é crer na vida após a morte e acreditar na comunicação com o Universo, seja com os desencarnados, do mesmo Planeta ou de outros.
Estou escrevendo isso a partir de uma pergunta que meu filho fez. Ele dizia: “mãe, afinal você é umbandista, kardecista ou católica?” Eu respondo para vocês como respondi a ele, sem medo de errar e sem falso pudor ou testemunho. “Sou seguidora de Kardec. Ele provou tudo que eu, como boa taurina, paguei para ver e vi.”
Não há dúvidas para mim, para nós que conversamos com os desencarnados, sobre a doutrina Kardecista. Mas independente disso, é claro que acredito em Jesus, nos Anjos, nos Deuses, nos Orixás, nos Guardiões (amigos ligados à matéria), nos Draccos.
Leio e estudo também: Verger, Papus, astrologia, aromoterapia, cromoterapia, reiki, cabala, etc. E afirmo que Mantras, Cabalas, Santos e Deuses são o máximo, são verdadeiros. Então use e abuse dos rituais, pois são sérios e têm fundamento. Pelo menos é assim com aqueles que eu propago.
A água, por exemplo, é usada por quase todas as religiões como um elemento sagrado, mas de formas diferentes. Eu aprendi a energizá-la com a equipe médica do plano astral, os amigos do 5º plano André Luiz Nosso Lar e a equipe do Dr. Bezerra. E quem acreditar nele pode fazer também e receber todos os benefícios do astral. Veja só o Ritual:
Água Energizada do Dr. Bezerra de Menezes
Ingredientes
- 1 garrafinha de água de 500 ml ou um copo com água
Como Fazer
1.   Todas as segundas, quartas e sextas-feiras, coloque um copo com água sobre a cabeceira da cama ou lugar próximo. Antes de dormir, faça o seguinte pedido, com muita fé:
“Que a corrente médica do Dr. Bezerra de Menezes coloque nessa água o remédio necessário para o equilíbrio do meu corpo e da minha alma”.
2.   Na manhã seguinte, tome três goles dessa água sem colocar os pés no chão. O restante, passe no local onde estiver com problema (perna, braço, cabeça).
E pra encerrar o post de hoje, você quer se ligar a que? Pense nisso, refaça seus conceitos e crenças, questione, estude, mas antes de qualquer coisa, tenha fé. Fé não se vende e não se cria, se sente.
Beijos,
Márcia Fernandes.
Posted in Dedicação por Márcia Fernandes. 8 Comentários

Alimentos da alma

A alimentação sempre foi um assunto muito presente em nosso cotidiano. Antigamente, falávamos apenas em dietas, regimes e procurávamos fórmulas malucas para emagrecer. Hoje, nossa alimentação como um todo passou a ser vista com outros olhos. Todo mundo dá atenção à qualidade do alimento (e não mais à quantidade) e aos benefícios que ele traz a nossa saúde. Um dos maiores exemplos é a revolução dos orgânicos.
Além disso, a medicina e a ciência também evoluíram e passaram a tratar a alimentação de outra forma. A água, por exemplo, passou a ser considerada alimento.
Mas a espiritualidade vai mais além. Várias vertentes espirituais afirmam sem medo de errar que o ar também é um alimento. E por isso, a cada dia mais, cresce o número de atividades que envolvem e desenvolvem a respiração. Todos os tipos de meditação trabalham com isso, alimentando o corpo, a mente e a alma.
Além disso, como já disse, todos somos luz e sem luz não vivemos. Nós, os animais irracionais, as plantas, o Planeta Terra todo depende da luz. Por isso já ouvimos tantas pessoas falando em viver de luz, mas não apenas a luz como elemento e sim como evolução espiritual, iluminação, consciência. E quanto mais luz a alma tem, mais sutil é a alimentação do corpo humano.
Nossas células possuem memórias e mudam de ser para ser, de vida para vida. Jesus tinha células fluídicas, puras. Judas as tinha densas. E quanto mais fluídica e pura for a formação do corpo, menor a necessidade de alimentação.
Os vermes se alimentam de terra do subsolo. Já uma criança recém-nascida, apenas do leite da mãe. Quanto mais evoluído o ser, menos alimento, carne ele ingere. Nos planos ainda mais evoluídos, o alimento é apenas líquido e em outros nem é necessário se alimentar.
Confesso a vocês que hoje só como frutas, legumes, carne branca e sinto o meu corpo sendo modificado. E junto com ele, a minha alma. Estou me alimentando do máximo de luz possível e acredito que com isto não adoecerei tão cedo. Então, por favor, repense também sua alimentação e mude já sua vida. Você é o que você come! Pense nisso.
Beijos e muita LUZ para vocês,
Márcia Fernandes.
Posted in Lidando com o Invisível por Márcia Fernandes. 5 Comentários

Hoje é dia de Obá!!!

Eu vou repetir mil vezes, porque ela é mil.
Regida pela terra, ama o campo e os vegetais. Esteve neste plano há 4000 anos e tem ligações com a Deusa minerva. Ela é o pólo negativo, não lado ruim, de São Sebastião (Oxossi). É discreta, silenciosa e incessante na busca pelo conhecimento. Por isso atua diretamente nas áreas de estudo, principalmente religioso.
Então aproveite o dia de hoje e faça:
Banho do conhecimento
Ingredientes:
- Pétalas de uma rosa branca
- Folhas de alecrim
Modo de fazer:
Macere bem as plantas e deixe descansando em água por 24 horas. Coe e jogue do pescoço para baixo. Com certeza o seu raciocínio ficará mais rápido.
Outra dica é acender sempre uma vela (pink e laranja) em homenagem a ela, além de trazer muita luz para a sua vida, com certeza ela olhará por você.
Fica aqui a minha homenagem a Obá.
Beijos e bom domingo.
Márcia Fernandes.
Posted in Santos por Márcia Fernandes. 5 Comentários

Obá

Domingo, dia 30, é comemorado o dia de Obá, uma das qualidades de Santa Bárbara. Forte e guerreira como um homem é a dona dos Rios. Ajuda-nos a abrir caminhos do dinheiro e do amor. Sua imagem é de uma mulher muito forte e destemida. Ela é linda, suas cores são laranja, pink e rosa.
As cores de Obá
As cores de Obá
Conta a lenda que ela foi totalmente apaixonada por Xangô (São Pedro), e por ele ser guerreiro, deu-lhe um cavalo branco. Ela era a 3ª esposa dele e sofria muito com a traição. Apaixonada, mais velha e traída, não se conformava em perdê-lo para as outras.
Então, decidiu fazer uma magia para tê-lo só para si. O ritual consistia em ter um rabo de cavalo branco, não teve dúvida, arrancou o rabo do cavalo de Xangô. E ele, quando soube que Obá havia matado seu cavalo, a repudiou.
Eu, Márcia, sou abençoada por ela, por isso, amanhã, irei homenageá-la. E você que tem estômago saliente, é ciumenta, tem dores de ouvido, é de sagitário ou nasceu em uma quarta feira, é filha dela também. Por isso vou ensiná-la a homenagear essa Deusa amanhã e sempre.

Homenagem à Obá
Faça feijão fradinho com quatro ou cinco cebolas raladas e azeite e oliva. Coma com arroz e camarão pequeno. Ore para ela toda quarta-feira.
Ritual a Obá
Ingredientes
- 01 vela de Obá
- 01 creme de morango
Como fazer
Ao menos uma vez por ano acenda a vela. Coloque um copo de água do lado direito da vela, troque-o diariamente enquanto a vela estiver acesa rezando o Pai Nosso. Use o creme diariamente após o banho. Passe-o sempre em círculos horários dos pés até o pescoço.
Por hoje é isso, pessoal. Bom final de semana à todos.
Márcia Fernandes.
Posted in Santos por Márcia Fernandes. 11 Comentários

Os Vampiros e a Cruz de Álamo

Os vampiros estão na moda. Com o sucesso de Crepúsculo e Vampire Diaries, eles não saem da boca do povo. Todos nós conhecemos e sabemos como são na ficção aqueles que sugam sangue para sobreviver. São seres das trevas, que dormem durante o dia e circulam à noite em busca de vítimas. São ousados, sedutores e manipuladores.
No entanto, os vampiros espirituais existem e são diferentes desses que vimos na telinha ou nos livros. São almas trevosas (almas que vivem sem acertar a vida após a vida) que nos sugam, acabando com a nossa energia. Eles costumam “roubar” nosso tônus vital nos deixando totalmente fracos, com tontura, insônia e baixa imunidade.
Judas, o traidor de Cristo, foi o primeiro vampiro da história. Após a morte de Jesus ele se matou, enforcou-se em uma árvore de Álamo e foi predestinado a não ter mais paz na alma. Passou a habitar o umbral vagando e sugando os outros.
Por isso, álamo é o elemento que combate os vampiros espirituais. Mesmo na ficção, é a estaca de madeira que os derrota. Pensando nisso, passei a indicar para os meus clientes o ritual e a cruz de álamo que visa proteger a pessoa e toda a casa. Ele afasta qualquer vampiro, impedindo que sugue a energia vital.
Então, se você tem se sentido sugado, faça o Ritual da Cruz de Álamo. Se sentir calafrios, ver sombras, ficar fraco, segure a cruz com as mãos e ore um Credo. Forças de luz te trarão brilho.
Ingredientes
- 01 cruz de álamo
- 01 spray defumador
- 01 pomada plexo solar
Ritual: Cruz de Alamo
Ritual: Cruz de Alamo
Como fazer
Deixe a cruz sempre sobre a sua bíblia aberta. Às segundas, quartas e sextas, borrife em forma de cruz o spray azul em todos os cantos da casa. Use diariamente a pomada na região do umbigo. Ore o salmo 91 e 66 diariamente, tá?
Beijos e até amanhã,
Márcia Fernandes.
Posted in Lidando com o Invisível por Márcia Fernandes. 4 Comentários

Nossa aparência espiritual

Quantas vezes nos perguntamos na vida: Por que sou feia? Por que sou gorda? Por que? Sentimo-nos infelizes, insatisfeitos, deprimidos e acabamos por maltratar o nosso corpo. Ah, se soubéssemos o que ele significa, se lembrássemos que o nosso corpo físico representa a chance que Deus nos deu de voltar ao mundo e evoluir. Iríamos tratar e valorizar mais ele, não?
É claro que não é fácil aceitar ser diferente do padrão imposto pela sociedade. Para isso é preciso entender que nossas características físicas não são só genética, herança dos nossos pais e antepassados. Nós somos frutos do reflexo do nosso corpo mental no perispírito, que por sua vez nossa “forma” o corpo físico. Ou seja, nossa aparência simboliza a nossa condição espiritual nessa vida, ou seja, é literalmente carmática.
O grande filósofo grego Sócrates, por exemplo, era obeso, tinha o nariz chato, e ficou calvo. No entanto era extremamente sábio, um dos homens mais inteligentes da história. Isso porque, antes de estar nessa vida, ele só se importou com o intelecto. Foi uma opção e uma conseqüência dele. Viveu mais de 70 anos, o que era muito raro em sua época.
O que acontece é que antes de reencarnarmos, quando fazemos aquele acordo que expliquei para vocês, pedimos para vir para cá como somos. Se desejamos vir feios, com certeza não queríamos despertar paixões terrenas, já vividas por nós em outras encarnações. E posso dizer mais? Você desencarna, morre, e continua com o mesmo físico no astral.
É claro que nada é definitivo, e ser feio, gordo, baixo alto, magro, não é nenhuma sentença eterna. Somos capazes de entender a lição que a vida nos dá e mudar tudo. Por isso tratar do seu corpo carnal é tão fundamental quanto tratar da sua mente. Então se olhe no espelho, olhe para o seu interior, entenda quem você é. Evolua. Se descubra, exterior e interiormente.
Temos a obrigação de melhorar, afinal somos imperfeitos. Por isso, se você se sente gordo, coma menos. Se você se sente burro, estude mais. Se ame de corpo e alma. Use o corpo e a mente que Deus lhe deu para fazer o bem, você em primeiro lugar. Coma alimentos saudáveis, diga coisas bonitas, aprenda.
Tenho certeza que o equilíbrio nos faz sentir mais bonitos, mais inteligentes e mais felizes. Seja o melhor de você.
Beijos,
Márcia Fernandes.

Viva São João

As comemorações de junho não param, e eu não estou falando da copa do mundo. Já passamos pelo Corpus Christi, pelo dia dos namorados, por Santo Antônio e agora, dia 24, comemoraremos São João.
Por todo Brasil vemos diversas homenagens a ele, a mais conhecida de todas é a festa junina. Nela encontramos a fogueira, o mastro, fogos de artifício, a palha, entre outras coisas.
Pois é, mas nem imaginamos que todos esses elementos na verdade simbolizam o nascimento de São João. Conta a lenda que São João passa o dia 24 todo dormindo, pois se visse todas as fogueiras feitas para ele, não resistiria e viria até nós. Por isso se solta fogos, para tentar acordá-lo.
Ainda, segundo a tradição, na noite anterior a festa, uma criança, que tenhas as feições parecidas com as do santo, deve-se subir a bandeira em sua homenagem.  Conta-se também que, no final da noite do dia 24, é feita a lavagem do Santo, e que aquele que vê o reflexo da sua imagem na água, não ficará vivo até a próxima festa.
O curioso é que, ainda que a festa de São João faça parte da nossa cultura, poucos de nós sabemos quem foi São João Batista. Segundo a bíblia, ele era filho do sacerdote Zacarias com Isabel, prima de Maria. Foi considerado pelos cristãos como o precursor de Jesus Cristo.
Ele realizava batismos nos judeus nos rituais de conversão, o que depois passou a fazer parte do cristianismo. Entre os batizados por ele, está o próprio Senhor Jesus Cristo. Conta-se que, enquanto o batizava, João ouviu: “este é o Meu filho amado com o qual Me alegro”.
Defendendo a suas crenças até o fim da vida, João Batista morreu decaptado. É considerado pela igreja Católica como o santo da proteção e da justiça. E por isso devemos pedir a sua proteção nessa época, tomando um banho de São João.
Banho de São João
- 2 litros de água
- 24 cravinhos da índia
- 10 folhas de manjericão
- 6 galhos de alecrim
- 1 xampu de boldo
No dia 23, coloque a água em uma bacia. Acrescente a ela os cravos e macere as folhas. Deixe descansar até o dia 24. No dia 24, tome seu banho higiênico, se lave, inclusive a cabeça, com o xampu de boldo para descarrego. Só depois do descarrego banhar-se com a água de São João. Com certeza terá proteção e justiça.
Então, não deixem de homenageá-lo, tá?
Beijos e muita paz para todos vocês,
Márcia Fernandes.
Posted in Santos por Márcia Fernandes. 9 Comentários

A Copa do Mundo e Chico Xavier

“A morte não existe”. Em outras palavras, somos formados por algo além da matéria, o espírito, que quando o corpo falece continua a sua existência. Esse é um dos principais conceitos da doutrina kardecista, codificada por Allan Kardec no século XIX na Europa.
No entanto, no Brasil, um país de formação católica, esse conceito só passou a ser reconhecido graças ao trabalho de um dos maiores médiuns da história, Chico Xavier. O homem que escreveu ao longo de seus 92 anos, 412 livros, tendo vendido mais de 30 milhões de exemplares.
Hoje, todos sabem quem ele é, são livros, filmes, documentários, Chico está em todos os lugares. Mas nem sempre foi assim, por isso decidi fazer um post sobre a vida deste homem inter existente. Que viveu dos 4 anos até a sua passagem entre o mundo dos vivos e dos espíritos.
No dia 02 de abril de 1910, no interior de Minas Gerais, nasceu Francisco de Paula Cândido Xavier. Filho de uma família simples e tradicional foi criado no catolicismo, como era o costume. Mas aos quatro anos de idade teve o seu primeiro contato com um espírito, e a partir de então passou a ver vultos e ouvir vozes.
A situação ficou mais difícil para o pequeno Chico, quando aos cinco anos a sua mãe, Maria João de Deus, faleceu. Como seu pai era um caixeiro viajante, ele foi morar com a madrinha, que o torturava, tratando-o como um anormal.
Nessa época sua grande companhia era o espírito de sua mãe, com quem passava a tarde conversando. Quando seu pai se casou novamente, Chico passou a morar com a madrasta, Cidália Baptista, que compreendia seu dom.
Adolescente iniciou contato psicográfico, escrevendo poemas de autores famosos, como Humberto de Campos. Com isso enfrentou muitos problemas com os descrentes e com a mídia. Chegou-se a afirmar que ele lia os poetas para depois imitá-los. Mas junto a isso veio também o reconhecimento, milhares de pessoas passaram a procurá-lo em busca de uma cura ou de um conforto espiritual.
Sem tempo para casamento, Chico dedicou a sua vida ao espiritismo e ao seu filho adotivo, Eurípedes Higino dos Reis. Aos 92 anos, veio a falecer exatamente como havia previsto. O médium afirmava que morreria no dia em que toda a nação brasileira estivesse feliz, e assim fora, pois neste dia a seleção brasileira havia vencido pela 5ª vez a copa do mundo.
Essa é a história do nosso querido Chico Xavier. As pessoas sempre me perguntam: seria ele a reencarnação de Kardec? Eu não acredito, como também não creio que ele reencarne, ou já tenha reencarnado. Chico não era perfeito, mas com certeza era extremamente evoluído. Então reencarnar para quê?
Então queridos que no término da Copa, possamos continuar com os corações unidos, como agora.
Por hoje é isso. Fica aqui a minha singela homenagem a ele.
Beijos e muita luz a todos,
Márcia Fernandes.
Posted in Dedicação por Márcia Fernandes. 8 Comentários

O poder da oração

“Invoca-me, e te responderei; anunciar-te-ei coisas grandes e ocultas que não sabes” (Jer.33:3).
Nós fomos convidados para estar aqui neste mundo, essa é uma oportunidade que Deus nos deu por amor, a seus filhos. No entanto o que mais vemos no dia-a-dia são as pessoas reclamarem. Parece que nunca estamos satisfeitos com nada nem ninguém.
Estamos fazendo exatamente o contrário do que deveríamos fazer. Sábios os judeus que sabem agradecer a Ele, orando diariamente. E é assim que todos deveriam fazer, independente de religião ou credo, agradecer e pedir licença a Deus.
A oração é o canal de comunicação direta com Deus, é a manutenção da nossa fé. Todas as relações devem ser preservadas, a nossa relação com o divino não é diferente. Orar é como ligar para um amigo perguntando como ele está, mantêm a ligação e o carinho entre vocês.
Quantas vezes você já culpou ou cobrou Deus? Quantas vezes esperou por uma graça como alimento da sua fé? Mas fé não é isso, ao contrário, é crer no invisível, no irracional. Claro que podemos fazer pedidos a Deus, afinal ele é nosso pai, mas não podemos deixar de dar amor a Ele.
Então, fortaleça essa relação, vá à igreja, ore em casa, faça rituais. Mas não se esqueça de Quem te deu a vida. Peça por você, pela sua família, por todos os nossos irmãos. Que tal começar hoje?
Prece de Cáritas
Deus, nosso Pai, que sois todo Poder e Bondade, dai a força àquele que passa pela provação, dai a luz àquele que procura a verdade; ponde no coração do homem a compaixão e a caridade!
Deus, Dai ao viajor a estrela guia, ao aflito a consolação, ao doente o repouso.
Pai, Dai ao culpado o arrependimento, ao espírito a verdade, à criança o guia, e ao órfão o pai!
Senhor, que a Vossa Bondade se estenda sobre tudo o que criastes. Piedade, Senhor,  para aquele que vos não conhece, esperança para aquele que sofre. Que a Vossa Bondade permita aos espíritos consoladores derramarem por toda a parte, a paz, a esperança, a fé.
Deus! Um raio, uma faísca do Vosso Amor pode abrasar a Terra; deixai-nos beber nas  fontes dessa bondade fecunda e infinita, e todas as lágrimas secarão, todas as dores se acalmarão.
E um só coração, um só pensamento subirá até Vós, como um grito de reconhecimento e de amor.
Como Moisés sobre a montanha, nós Vos esperamos com os braços abertos, oh Poder!, oh Bondade!, oh Beleza!, oh Perfeição!, e queremos de alguma sorte merecer a Vossa Divina Misericórdia.
Deus, dai-nos a força para ajudar o progresso, afim de subirmos até Vós; dai-nos a caridade pura, dai-nos a fé e a razão; dai-nos a simplicidade que fará de nossas almas o espelho onde se refletirá a Vossa Divina e Santa Imagem.
Assim Seja.
Beijos e até amanhã,
Márcia Fernandes.
Posted in Sem categoria por Márcia Fernandes. 11 Comentários

Simpatias para Santo Antônio – Manhã Maior (10/06/10)

Pessoal, ontem o programa foi o máximo. Confiram as simpatias para encontrar um amor verdadeiro:


Beijos,
Márcia Fernandes.
Posted in Manhã Maior por Márcia Fernandes. 7 Comentários

Parabéns Lolo!

O amor de mãe é sem dúvida o maior e mais incondicional dos amores. Não há nas nossas vidas algo mais importante do que os nossos filhos. Por isso, para mim, o dia de hoje é tão especial.  É momento de comemoração, de alegria, de saudade e de recordação.
Há exatos 28 anos, por volta das 15h00, eu e minha mãe fomos à médica que me acompanhou no primeiro parto! Lá, a sábia ginecologista notou que era chegada à hora. Me pediu um ultra-som que confirmou, era o dia. Erro médico, afobação, destino? Não sei qual a razão, mas meu filho queria vir ao mundo antes do esperado.
Assim como o Fábio, meu primogênito, o Marcelo também havia sido gerado sentado, e por isso tive que marcar a cesariana. Com a apreensão da minha sogra, que me alertava ainda não ser hora, e o apoio de minha mãe, que calada me confortava, nasceu meu menino, com apenas oito meses de gestação.
Senti medo, sim. E como sofremos eu e o pai dele com o temor de perder o Lolo. Mas Deus, tão grandioso, olhou pelo meu pequeno bebe, e acalmou esse meu coração. Que sentimento imenso, único, inexplicável, o amor materno. Somos capazes de amar nossos filhos antes mesmo de nascerem, e esse amor cresce a cada dia sem que haja limite.
Dia 11 de junho de 1982, o dia do nascimento do Marcelo, foi apenas um dos dias em que ele me proporcionou  essas emoções tão fortes, medo e felicidade. Desta data em diante, sofro e vibro com cada passo dele. Me preocupando dos amiguinhos da escola às namoradas. Sentindo orgulho do primeiro ditado à redação premiada na Universidade em Boston.
Pois é, pasme, meu pequeno prematuro é hoje um homem lindo, poderoso, bem sucedido, é o meu executivo. É meu garoto, meu orgulho, o meu prêmio, meu filho.
Marcelo, valeu e valerá sempre, filho. Que Deus te abençoe hoje e em todos os dias da sua vida!
Com amor,
Márcia Fernandes.
Posted in Dedicação por Márcia Fernandes. 21 Comentários

Magia, saiba se você está magiado

Pessoal, como expliquei ontem, a magia pode ser usada também para o mal, é a tal da magia negra. Ela acontece quando alguém faz um acordo com as almas trevosas para conseguir algo, prejudicar alguém. E, não importa quão crente em Deus nós sejamos, apenas Jesus Cristo é imune a essas maldições. Então, para saber se você está magiado, verifique a presença desses sintomas:
Em você ou nos seus familiares:
  • Torções nos pés e braços
  • Problemas na arcada dentária
  • Hemorróidas
  • Sangramento
  • Problemas cirúrgicos do ventre pra baixo
Na sua casa:
  • Aparecimento de mariposas, rato, morcego
  • Entupimento dos encanamentos em geral
Para acabar com essa situação, faça o ritual abaixo:
Kit Contra Magia Negra
- 1 Óleos Essenciais
- 1 Pedra Vulcânica
- 1 Sabonete Cleaning (Preto)
- 1 Sal Cleaning (Preto)
Modo de usar
Em uma quinta-feira, adicione dois litros de água aos Óleos Essenciais e jogue-o dos joelhos e dos cotovelos para baixo.
A pedra ônix que vai dentro dos Óleos Essenciais você deve deixar em um jardim.
Deixe a Pedra Vulcânica no lavabo de casa para afastar energias negativas. Em um dia de lua cheia, deixe-a por duas horas de molho ao luar para que ela descarregue essas energias.
Coloque uma colher (sopa) de Sal Cleaning (Preto) duas vezes por semana em todos os ralos da casa e tome banho com o Sabonete Cleaning (Preto) diariamente por trinta dias consecutivos.
Beijos,
Márcia Fernandes.
Posted in Sem categoria por Márcia Fernandes. 7 Comentários

O amor está no ar

O dia dos namorados está chegando, e ainda que não quiséssemos lembrar, seria impossível. São comerciais com casais apaixonados, corações para todos os lados, literalmente o amor está no ar. Mas afinal o que é o amor? Por que é tão difícil ser feliz sozinho? Todos nós temos uma alma gêmea?
Existem muitos tipos de amor. Primeiramente, existe o amor Universal, de Deus. Depois, vem o amor puro de mãe e o protetor de pai. Esses são mais compreensíveis e naturalmente aceitáveis. Mas, a coisa enrosca mesmo quando o assunto é relacionamento.
Muita gente banaliza esse sentimento tão lindo e intenso que move nossas vidas, especialmente nessa época do ano. Mas a verdade é que todos nós, sem exceção, temos necessidade de encontrar um amor verdadeiro, mas travamos quando pensamos: “será que não estou atrás de uma ilusão”?
E podemos fazer milhões de perguntas sobre o tema e não chegaremos a muitas respostas, pois o amor vem do coração, não tem regras. Amor não tem cor, credo, classe social, idade, nível profissional, nada. Ele é livre, poderoso e deve fazer parte da vida de todos nós. Mas não é sempre que temos alguém para partilhar esse sentimento.
Por isso, sem dúvida, para aqueles que estão vivendo um amor, que estão em um relacionamento pleno e seguro, sábado é um dia para se comemorar muito. Mas, para aqueles que vivem um desamor ou estão sozinhos, qualquer data que lembre o relacionamento a dois traz angustia e sofrimento.
Então, se você quer viver um relacionamento feliz, encontrar um companheiro de verdade, em primeiro lugar, saiba que não existe alma gêmea. Existem sim, almas idênticas, almas afins, que são parecidas espiritualmente e mentalmente.
Tente ser mais flexível e não idealize seu parceiro. Mude de atitude, olhe para o amor de outra forma. Pense positivo, se ame. E para completar, esteja em harmonia com o astral, sem dúvida ele ajudará a encontrar a alma afim que você tanto procura.
Então que tal aproveitar o dia dos namorados para fazer alguns rituais? Segue algumas dicas especiais.
Para fazer sempre:
  • Mulheres, sempre que puderem usem colar. Colar de pedras, de ouro ou de qualquer material.
  • Tenham os cabelos cobrindo a nuca.
  • Carregue no corpo um quartzo rosa, de preferência entre os seios.

No dia 12 de junho:
  • Faça no chão um coração com pétalas de rosa cor de rosa, de seis rosas! Sente nele e ore por seis vezes a Ave Maria e peça o seu amor, o seu companheiro.
  • Durma de rosa.
  • No dia seguinte faça um chá com as pétalas e banhe-se do pescoço para baixo.
Beijos e muito amor para todos vocês.
Márcia Fernandes.
Posted in Amor por Márcia Fernandes. 13 Comentários

Magia, o bem e o mal

Quantas vezes falamos em magia, magia negra magia branca, estar magiado.  Mas nem sempre é simples entender o real significado da Magia, tão pouco distinguir o seu lado positivo do negativo, o que pode nos trazer grandes problemas.
Primeiramente é preciso saber que magia nada tem a ver com mágica, truques. Magia é uma ciência que estuda os segredos e os poderes da natureza, buscando desvendar as suas propriedades sobre o nosso lado espiritual, físico e intelectual.
Então, claro que todos os rituais que se fundamentam na natureza, são magia. Tomar um banho de sal grosso é uma maneira de descarregar na natureza as suas energias, assim como entrar no mar, que nada mais é que água e sal. Por isso, os antigos magos, bruxas, viviam nas florestas, observando os rituais que aconteciam naturalmente.
Ao longo dos séculos, a magia foi sendo incorporada a outros estudos e surgiram varias vertentes. A ciência, por exemplo, desenvolveu terapias alternativas, como é o caso dos florais e da homeopatia, tendo a magia como base. As religiões criaram novos rituais e estudos, também a partir na análise na natureza, como é o caso a magia branca e a magia negra.
Por isso que nós, espiritualizados, devemos muito as bruxas e aos magos. Afinal a vela que acendemos, a água que energizamos, as pedras e cristais que nos ajudam na auto cura, o spray que purifica a nossa casa, nada mais são do que magia. Nossos rituais são o uso dos elementos da natureza para o bem comum, para a paz espiritual.
É claro que quando falamos de magia negra é diferente, e até o nome nos assusta. Mas, o que define uma magia ser usada para o bem ou para o mal é o próprio ser humano, é quem a usa.
E é assim em todos os campos, como, por exemplo, no caso de Alfred Nobel, que inventou a dinamite para evitar acidentes em explosões, e sua invenção acabou se tornando uma das maiores armas da guerra mundial.
Mesmo a bruxa da Branca de Neve tentou usar a magia para poder comandar, e não conseguiu. Graças a Deus o mal persiste, mas o bem sempre vence, né?
Por isso não tenha medo dos rituais, se você estiver fazendo algo fundamentado e para o bem, nada poderá sair errado.  No entanto se você fizer o mal, a lei do universo é implacável e como se diz “o feitiço vira contra o feiticeiro”.
Quer saber se está magiado? Quer se proteger da magia negra? Então acompanhe o meu blog que amanhã eu volto com mais dicas.
Márcia Fernandes.
Posted in Lidando com o Invisível por Márcia Fernandes. 4 Comentários

Saudades do meu filho que se foi

“A Saudade é o revés do parto, a saudade é arrumar o quarto do filho que já morreu” – Chico Buarque
Não existe “dor” maior no mundo do que a perda de um filho. Nós, pais, temos por eles um amor incondicional, inexplicável. Temos medo de morrer e deixá-los sozinhos, mas sabemos que essa é a lei natural da vida e, ainda que seja dura, a aceitamos. Mas a morte precoce de um filho vai contra tudo, é inaceitável. E eu, como mãe, não posso nem pensar nisto.
Ao longo de todo o meu trabalho como sensitiva, vejo pessoas doentes, almas perdidas, muitas coisas tristes. São depoimentos tristes, pessoas extremamente necessitadas que me fazem parar para pensar e valorizar a vida. Mas nada me abala tanto como ver a dor de uma mãe ou de um pai que perdeu o filho.
Há muitos anos faço psicofonias* (contato com desencarnados). Filhos, netos, maridos e esposas me procuram com a esperança de amenizarem a dor da perda através de um contato. No entanto, quando uma mãe me procura, é diferente. Sinto em mim a dor dessa mãe ou pai, e por mais que tente evoluir, e ainda que não acredite na morte, sofro com ela. Já foram muitos casos desse tipo ao longo do tempo, e um dos que ficou marcado foi a história do Bruninho. Vou aproveitar esse espaço para dividi-la com vocês.
Fabíola Galvão é mãe de dois filhos. Em 2003, ela se deparou com a maior dor do mundo: um acidente no ônibus escolar tirou a vida de Bruno, seu primogênito. Desesperada, passou a buscar todas as formas de consolo para aliviar a dor e a saudade. E foi assim, tentando se distrair, que ela me encontrou enquanto assistia uma das minhas apresentações na TV. Mesmo com pouca esperança, ela me escreveu solicitando a psicofonia de seu filho.
Recebi a carta dela em casa, com o nome e as datas de nascimento e falecimento de Bruno. Pedi o auxilio de mentores e consegui o contato com ele. Escrevi exatamente tudo que ele me falava. Ainda que algumas coisas não fizessem sentido para mim, sabia que faria para ela. Envelopei o papel e enviei para ela, como costumava fazer próximo ao Natal.
Na época, já recebia muitos pedidos de psicofonia, mas ainda conseguia responder a todos. Nem sempre com boas notícias, nem sempre com algum contato, mas não deixava absolutamente ninguém sem resposta.
Algum tempo depois, vim saber que a carta chegou exatamente na véspera de Natal. Fabíola abriu a caixa de correio e encontrou lá notícias de Bruno, três meses depois de ter me solicitado (para ver o depoimento de Fabíola clique aqui). Lá ela recebia um verdadeiro presente de Deus! Bruno dizia o seguinte na cartinha:
Mãe, fique feliz, pois estou bem! Visito a senhora sempre que possível e estou cheio de luz e energia; até flutuo.
Faça a viagem que eu queria. (Fabíola estava pagando para o filho ir aos Estados Unidos com os amigos da escola).
Desfaça de tudo, mas guarde as baquetas e continue escrevendo o livro que você começou e parou na 8ª página. (Fabíola estava escrevendo um diário, colocando sua dor para fora).
Beijos e fique em paz!
Eu não sabia que ele ia viajar, muito menos o que era uma baqueta. Mas o mais impressionante era que ninguém sabia do livro, nem as pessoas mais próximas. A psicografia ou psicofonia honesta é assim, através de detalhes, ela sempre mostra e comprova que realmente existe um contato entre o médium e o desencarnado.
Não tenho dúvidas que esse foi o melhor presente que Fabíola poderia ter recebido. Mas eu também recebi um presente: depois de ter lido a mensagem de incentivo de Bruno, pedindo para que ela desse continuidade a própria vida, Fabíola voltou a escrever e me fez uma dedicatória. O resultado foi lindo! Além de ter publicado o livro “As Baquetas”, ela fundou o GAPS (Grupo de Apoio aos Pais na Saudade).

Livro: As Baquetas, de Fabíola Galvão
Livro: As Baquetas, de Fabíola Galvão

São atitudes como essa que fazem valer a pena o meu trabalho e toda a dor que sinto ao ver pais que perderam seus filhos. Peço a Deus para não passar por esta emoção. Parabéns a Fabíola e a todas as mães que conseguiram superar essa dor. Fica aqui a minha admiração por vocês.
E quanto a mim, continuo fazendo psicofonia em todas as minhas palestras, a próxima será no dia 12/06/2010, em São Paulo.
Beijos e até a próxima,
Márcia Fernandes.

*Psicofonia: Nada mais é do que ouvir e falar com os desencarnados. Nada tem de santificado, nos comunicamos com eles por meio de ondas eletromagnéticas. É exatamente como uma ligação com áudio e vídeo entre pessoas de diferentes continentes. É normal, é físico. A diferença entre a psicofonia e a psicografia é a forma de comunicação, um a comunicação é por meio do som, outra por escrito.
Posted in Psicografia por Márcia Fernandes. 18 Comentários

A Faixa de Gaza e o Umbral

“O Umbral começa na crosta terrestre. É a zona obscura de quantos no mundo não se resolveram a atravessar as portas dos deveres sagrados, a fim de cumpri-los, demorando-se no vale da indecisão ou no pântano dos erros numerosos.” (Nosso Lar, André Luiz/Chico Xavier, FEB)
Há mais de 1.000 dias sob cerco, a Faixa de Gaza é novamente destaque nos jornais. Os ataques israelenses a uma tropa humanitária ocorridos na última semana trouxeram à tona uma situação constante vivida na região. E infelizmente, esta situação, seus efeitos sociais e econômicos já se tornou admissível para boa parte do mundo. Pouco se faz para resolver isso.
E não é de hoje que ouvimos e vemos tanta desgraça neste território de mais de 1,5 milhões de habitantes. Desde o século XIX, o conflito entre Israel e Palestina assombra a região, mas, nas últimas décadas, a disputa e o embargo têm causado ainda mais dores e aflições em um cenário de muita catástrofe.
FAIXA DE GAZA
Então, feche os olhos e imagine pessoas implorando por comida, por carinho, por paz e por liberdade. Crianças vivendo em meio ao horror, pessoas mortas, armas, guerra, choros, gemidos, dor. Esse é o retrato narrado do Umbral, esse é o retrato narrado de Gaza. Por isso esta falta de paz, por isso o estado pacífico parece impossível.
Nossos amigos do 5º plano, denominado André Luiz Nosso Lar, nos avisam que exatamente no território entre Israel e a Palestina está o Umbral. Lá estão as almas trevosas que não tem evolução suficiente para viver no mundo superior, desequilibrando toda uma população. Umbral significa soleira da porta, ou seja, é onde ficam os desencarnados que não conseguem fazer a passagem. Então, assim como essas almas, o povo tem sofrido preso em uma quase vida.
Fome, guerra, dor. Por favor, queridos amigos, não ignorem esta situação. Nós podemos ajudar essas pessoas, nós podemos enviar luz e energia para que o umbral se afaste dessa região. Vamos olhar para esse conflito não apenas como uma disputa de terra, mas como um estado espiritual. Vamos fortalecer esse povo sofrido!
Então, peço que, a partir de hoje, façamos uma corrente, e oremos ao menos uma vez  por dia o Pai Nosso, pedindo a Deus pela paz das almas do Umbral e pela paz dos habitantes da Faixa de Gaza.
Um beijo,
Márcia Fernandes.
*Umbral = Soleira
Posted in Atualidades Lidando com o Invisível por Márcia Fernandes. 10 Comentários
Posted in Lidando com o Invisível por Márcia Fernandes. 17 Comentários

Um comentário:

  1. PARABÉNS MARCIA FERNANDES! LI ALGUNS TRECHOS E GOSTEI,VOU COPIAR A PAGINA PARA LER COM CALMA É IMPORTANTE PARA PESQUISAR NO MOMENTO DA PRECISÃO!

    ResponderExcluir